The Ressabiator

Ícone

Se não podes pô-los a pensar uma vez, podes pô-los a pensar duas vezes

Arte Política (com um gorrinho para o frio)

Agora andam na moda as exposições sobre conteúdos políticos, sociais ou independentes, se possível comissariadas pelas mesmas pessoas que se dedicavam a ser publicamente contra a ideia de expor conteúdos políticos, sociais e independentes. Calculo que, como de costume, tenham arranjado uma boa justificação para o volte-face e que acreditem que – agora que são eles a tentar – a coisa vai dar certo (Boa sorte). Pessoalmente, não vejo nenhuma contradição ou escândalo em pôr arte anti-institucional num museu – se cabe na porta, é porque pode entrar. A crença que a arte política perde o seu impacto quando está num museu é apenas mais uma maneira de afirmar o poder dos museus, galerias e instituições. Se a arte política ou independente ainda tiver alguma pertinência para além da documental não são com toda a certeza estas instituições que a vão dissolver. Do mesmo modo, se um objecto fosse verdadeiramente anti-institucional, não seriam os artistas ou os críticos a ditar se um museu deveria ou não expô-lo, mas o próprio museu nunca lhe iria tocar. Nem lhe passaria pela cabeça fazê-lo. Irritam-me profundamente aquelas figuras paternalistas que reclamam o papel de mãezinhas: ai que se for para o museu constipa-se, coitadinha.

Anúncios

Filed under: Arte, Exposições

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Arquivos

Arquivos

Categorias

%d bloggers like this: