The Ressabiator

Ícone

Se não podes pô-los a pensar uma vez, podes pô-los a pensar duas vezes

Argolas

via

Ando cada vez mais fascinado pela encadernação de argolas em todas as suas variantes, arame em espiral, arame de fechar ou plástico.

Há uns tempos já tinha escrito: “Ganhei assim um novo respeito pelo A4, o que me levou também a – quase – reavaliar outros formatos que se tornaram pirosos com o tempo. Houve uma altura em que a encadernação em espiral – a opção por defeito por defeito – já foi uma escolha interessante e moderna, usada pelos melhores designers nos melhores trabalhos e posteriormente desonrada pela sua associação às casas de fotocópia e à encadernação académica chunga. Por um lado, corta a paginação a meio como uma cerca de arame farpado e emperra quando é folheada, por outro, e se for bem feita, permite segurar publicações de dimensões relativamente grandes com apenas uma mão e torna o livro num conjunto de fichas de consulta, facilmente consultáveis, tornando-o ideal para manuais de instruções. O do meu Zx Spectrum era assim. Não acho provável que a encadernação em espiral volte a estar na moda, mas tenho alguma nostalgia da época em que estava.”

Agora vou tomando nota dos melhores exemplos da Idade de Ouro das Argolas:

via Isabel (obrigado)

(não me lembro de onde veio esta)

E uma mais recente, a sugerir que a coisa pode vir a ficar na moda:

via

Filed under: Design

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Arquivos

Arquivos

Categorias

%d bloggers like this: