The Ressabiator

Ícone

Se não podes pô-los a pensar uma vez, podes pô-los a pensar duas vezes

Pelas Paredes

Ainda é possível encontrar estes cartazes espalhados pela baixa do Porto. Colados na parede, impressos em papel grosseiro, acastanhado, parecem fazer parte do granito, a textura dos desenhos e cor do papel aproximando-se à da rocha, o que só torna mais forte o seu impacto. A imagem é ambígua e – talvez por isso – mais forte, os dedos contorcidos a parecer que tentam fazer uma figa que é também um cifrão. Poderá haver outras interpretações mas é o cartoon político perfeito, o comentário perfeito à economia retorcida da crise que encontra o seu lugar numa parede e não num jornal ou numa revista – o que não espanta, porque a ilustração tem abandonado as publicações de papel e o que vai sobrando é decorativo, não fazendo mais do que servir de contraponto ao texto.

Filed under: Cartaz, Crítica, Cultura, Design, Ilustração

6 Responses

  1. Maria Borges diz:

    Eu já tenho um:))

  2. Para mim do melhor que tem aparecido nos últimos tempos…

  3. um bem haja à oficina arara por esse cartaz

  4. […] poucos numa biografia. Das coisas da Oficina Arara e do Miguel Carneiro: já tinha mostrado aqui a Mão (ou A Figa), e esta semana apanhei a capa do Buraco (imagem acima). Do Navio […]

  5. […] ideia de uma arte que separe e pedestalize a gestão. Exemplos: para já gosto de coisas como a Arara, no Porto, que se concentra mais em produzir objectos do que em […]

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Arquivos

Arquivos

Categorias

%d bloggers like this: