The Ressabiator

Ícone

Se não podes pô-los a pensar uma vez, podes pô-los a pensar duas vezes

Adagios / Maxims, Paulo de Cantos

Desde que o António Gomes me tinha mostrado um durante as Jornadas Cantianas que andava atrás dele. Por razões óbvias: a árvore de linguagens na capa, impressa a três cores (cliquem para ampliar); a leitura dupla, de cima para baixo e de baixo para cima, etc. Paulo de Cantos no seu melhor.

Filed under: Design, Ilustração, Publicações,

One Response

  1. […] talvez, o opus magnum de Paulo de Cantos, O Homem Máquina (1930-36?) (a par, certamente, dos Adágios/Maxims de […]

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Arquivos

Arquivos

Categorias

%d bloggers like this: