The Ressabiator

Ícone

Se não podes pô-los a pensar uma vez, podes pô-los a pensar duas vezes

Renovação de Votos

Tenho apreciado cada vez mais o “design gráfico”, muito mais do que o “design de comunicação”. A diferença entre os dois é propositadamente nebulosa, claro, embora um aponte para o passado e para as gráficas – “artes” e “oficinas” – e o segundo para o futuro, para a internet e para o resto.

Gosto do design gráfico porque indicia uma preocupação com a escrita, com a grafia, com o modo como as coisas se inscrevem num determinado suporte. De como uma letra se junta a uma imagem, de como tudo se organiza na página ou nos variados ecrãs.

É nestes pormenores que o design funciona ou falha. Seja um livro ou um ebook é frequente que a leitura se interrompa por causa do número excessivo de caracteres por linha ou pela entrelinha apertada. Às vezes é o contraste entre a letra e a cor do fundo.

A “comunicação” só vem depois disto tudo e já implica coisas muito distintas: públicos, clientes, éticas. São preocupações essenciais, mas vazias se não começarem logo desde a grafia, ou não descerem até ela.

 

 

Anúncios

Filed under: Crítica

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Arquivos

Arquivos

Categorias

%d bloggers like this: