The Ressabiator

Ícone

Se não podes pô-los a pensar uma vez, podes pô-los a pensar duas vezes

Dia da Marmota

Ia-me esquecendo do Dia da Marmota, o 21º desde 1993, quando o filme estreou. Todos os anos me parece um pouco mais brilhante. Este ano, por exemplo, vi About Time, do criador do Quatro Casamentos e um Funeral, sobre uma família inglesa cujos homens podem viajar no tempo. Lamechas, mau, e pejado daquele machismo delicodoce que assola este género de comédia romântica inglesa – basta ver como aqui todas as mulheres são manipuladas por viajantes no tempo trapalhões que nunca lhes contam o segredo.

Anúncios

Filed under: Crítica

One Response

  1. É um dos meus filmes preferidos sobre o tema “viagem no tempo”, neste caso a viagem é invertida, o tempo pára, o sujeito não. E sendo uma comédia, é um filme bastante negro e trágico, o tipo suicida-se sem efeito umas quantas vezes, um guião que provavelmente nos dias de hoje não seria aceite. Qualquer dia passo-o no ciclo P.A.C.F.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Arquivos

Arquivos

Categorias

%d bloggers like this: