The Ressabiator

Ícone

Se não podes pô-los a pensar uma vez, podes pô-los a pensar duas vezes

A culpa

Ainda em relação à família: costuma-se dizer que ninguém tem culpa da que tem, tal como ninguém tem culpa de ser branco, homem, heterossexual e ter nascido no hemisfério norte. Mas, tal como as coisas são, tudo isto é uma sorte relativa, um avanço em relação aos restantes. A questão é considerar este género de vantagem como um facto da vida ou como um problema que se pode ir resolvendo. Ter vantagens, que se tenham ou não pedido, é ter também uma nesguinha de poder relativo que pode ser usado de muitas maneiras. É aí que se instala ou não a culpa.

Anúncios

Filed under: Crítica

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Arquivos

Arquivos

Categorias

%d bloggers like this: