The Ressabiator

Ícone

Se não podes pô-los a pensar uma vez, podes pô-los a pensar duas vezes

A página que insiste em não virar

EXCURSUS_3

Há uma semana contactaram-me via chat do facebook para dar a opinião sobre um possível caso de plágio, sobre o qual não vou dar pormenores (os comentários que o façam, aqui ou no facebook, serão sumariamente apagados). Mal olhei para os trabalhos em questão percebi que não era plágio, quando muito o batido a copiar o ainda mais batido. Já tinha visto aquilo ou quase aquilo dezenas de vezes, em sites como o manystuff. Verdade seja dita, já não suporto sequer o manystuff, já me cansa a paginação estilo werkplaats, com todos os seus tiques.

(Para ilustrar este texto, fui ao manystuff e escolhi o primeiro exemplo que me pareceu caricaturalmente representativo. Nem sei o que é. Esta mistura particular de fonte de texto mais bold que o habitual em duas colunas, entremeadas de imagens é típica.)

Faz mais de dez anos que vi os primeiros exemplos. Na altura, ainda se estava no vazio da onda depois da vaga digital do final dos anos noventa, quando o design inteiro ainda se dedicava com ardor a simular pixeis, e a mapear equações, aos datashows levando a palavra a letra, era tudo novo, novos media, novas tecnologias, até cansar, e já cansava.

Não admira que os anos seguintes fossem revivalistas e tendencialmente analógicos: meios obsoletos de impressão, recuperação de estratégias modernistas de design e de edição, das vanguardas, do punk. Agora também já cansa, ao nível mais visceral, mesmo as coisas bem feitas. Mostraram-me um maço de publicações vindas da Pro-QM de Berlim e eram lindas, mas mais do mesmo.

Se há quem diga que o histerismo acabou, na roupa e no estilo de vida, na verdade ainda se arrasta, mudando ligeiramente para uma espécie de punk ou grunge estilizado, com sapatinhos de plataforma. Ainda não há nada do qual se possa dizer: é isto. O mesmo no design gráfico.

Advertisements

Filed under: Crítica

One Response

  1. […] deixei aqui esta semana uma declaração de cansaço em relação ao estilo Holandês. Não sei o que virá a seguir mas […]

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Arquivos

Arquivos

Categorias

%d bloggers like this: