The Ressabiator

Ícone

Se não podes pô-los a pensar uma vez, podes pô-los a pensar duas vezes

Dois anos

A julgar pela timeline do facebook, deve fazer uns dois anos que fui à minha última manif. Nem me lembro exactamente quando foi. Ia para demonstrar a minha discordância com este governo e as suas políticas e como é evidente não serviu de nada. Nem um nem outras mudaram o que quer que fosse – pelo menos para melhor.

Aqui é importante descriminar essa perda de qualidade em duas. Pioraram na medida em que degradaram a vida da grande maioria das pessoas deste país, tirando uma meia dúzia que ganham com a degradação. Pioraram também na própria qualidade com que a desqualificação é feita. Até para a destruição pura e simples seria precisa alguma competência.

Estou como tantos outros: já só saio à rua de braço no ar quando a coisa é comigo e com os meus. E às vezes nem isso. Porque já se percebeu que ninguém se demite deste governo. Alguns até põem o cargo à disposição mas o Primeiro Ministro não deixa. Só mesmo os mais próximos, os amigalhaços, como Macedo ou Relvas conseguem meter uma cunha e sair.

As manifestações eram o “quebrar em caso de emergência” da democracia. E poucas vezes houve tantas e com tanta escala como as que terminaram há dois anos. Não deram em nada e o problema não foi do formato ou da intensidade ou do não haver alternativas mas simplesmente de uma descarada quebra de contrato. É suposto um governo ligar ao que se passa cá fora. Se calhar nem vêem isso como uma quebra. Nunca lhes passou pela cabeça. Só os eleitores ainda assumem que há um contracto. No dia em que partiram o vidro, não havia martelo, machado e o extintor estava seco, vazio.

Fora isso, o que fazer senão esperar? Concentrar as energias em desalojar Seguro parecia mais fácil, já que o Governo está de pedra e cal. Daí a confiança desesperada, crispada, tensa que se tem em Costa. Não acho, por exemplo, que Passos deva contar com a prisão de Sócrates como uma espécie de vitória na corrida eleitoral. Boa parte do centro-esquerda moderado só se irrita ou preocupa com o ex-Primeiro Ministro porque pode estragar a eleição de Costa. Para outros eleitores, nem isso: Sócrates só estorva a possibilidade de desalojar de uma vez por todas Passos e Portas.

 

Advertisements

Filed under: Crítica

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Arquivos

Arquivos

Categorias

%d bloggers like this: