The Ressabiator

Ícone

Se não podes pô-los a pensar uma vez, podes pô-los a pensar duas vezes

Opiniões

É comum, quando encontro ao vivo um leitor, dizerem-me que não concordam com tudo ou até com a maioria do que escrevo. É inevitável e nunca me incomodou. Não escrevo para que concordem comigo, pela aprovação. Nos meus melhores dias, escrevo para que me levem a sério. Talvez pareça uma excentricidade dizer isto, no ambiente político português actual, em particular o da esquerda, onde ou se concorda em tudo ou adeus, mas eu acredito que ninguém muda radicalmente de opinião do dia para a noite. Mas as opiniões afinam-se e afiam-se umas contra as outras.

Filed under: Crítica

One Response

  1. Olá Mário!

    Eu sou um dos que — quando te encontra —, acaba por dizer que não concorda com alguma coisa que escreveste por aqui. Mas, o que não digo — e que devia dizer mais vezes — é que sim, concordo com muitas opiniões, críticas e desabafos. Não sei em que proporção (acho que discordo mais do que concordo). Mas enfim… é mais fácil de reagir quando não se concorda😉

    E, para não fugir à regra, eu cá acho que as opiniões afiam-se umas com as outras!😉

    Abraço!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Arquivos

Comentários Recentes

Mário Moura em Occidente, 1889
Augusto José em Occidente, 1889
Francisco Choupina em No Terraço
Marco em Onde
Candeias em Boletins

Arquivos

Categorias

%d bloggers like this: