The Ressabiator

Ícone

Se não podes pô-los a pensar uma vez, podes pô-los a pensar duas vezes

Desde Sempre

Numa tese de doutoramento,* leio que William Morris foi um exemplo de empreendedorismo e que o design sempre teve exemplos de empreendedorismo.

O problema é que o empreendedorismo não é uma constante histórica. Não se pode confundir o simples acto de criar uma empresa com empreendedorismo. Morris não criou as suas empresas, a Kelmscott Press por exemplo, com base em conceitos como inovação, destruição criativa, risco, e tantas outras ideias chave do empreendedorismo actual. Aliás, fundou-as usando como base ideias socialistas e de regresso a modos de produção pré-capitalistas. Só isso deveria levar as pessoas a pensar antes de escrever asneiras.

Se há vício que chateia em certo discurso do design é essa insistência em usar termos de modo ahistórico. Assim, sempre houve empreendedorismo, sempre houve design, etc. Quando ouço essas tiradas, penso logo na quantidade de esforço, de legislação, de divulgação, ocupado a trazer o design, uma coisa que existe desde sempre, para Portugal. Imaginem se era uma coisa inventada na semana passada.

O mesmo se pode dizer de outras coisas às quais se aplica o «desde sempre»: o empreendedorismo, a arquitectura, as artes plásticas, a literatura.

*Já defendida.

Filed under: Crítica

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Arquivos

Arquivos

Categorias

%d bloggers like this: