The Ressabiator

Ícone

Se não podes pô-los a pensar uma vez, podes pô-los a pensar duas vezes

A parte das perguntas

Há um pequeno tique discursivo que me irrita muito, porque na verdade é uma desonestidazinha intelectual que se vulgarizou. Noto-o sobretudo em alguns colegas quando fazem parte de júris de doutoramento e noto-o também como conferencista quando se chega à parte das questões.

Depois de terminada a apresentação ou a conferência, há por vezes quem pergunte – ou pior: afirme – mas você não falou nisto ou não falou daquilo. Não leu aquilo. Mas devia. Coisas que, de maneira geral, são pormenores que não interessam, associações paralelas, que interessam a quem levanta a questão mas não podem, com honestidade, ser impostas como obrigação a outros.

Não são, na grande maioria dos casos omissão nenhuma. Uma obra, uma tese, uma conferência, são unidades limitadas. É fácil apontar-lhes coisas que lhes ficam de fora, porque pela sua natureza há sempre mais coisas que ficam de fora do que dentro. Há sempre mais omissões que inclusões. Quando se critica uma omissão, deve-se sempre tentar perceber se faz falta à integridade do trabalho ou se, na verdade, nos faz falta a nós.

Os meus colegas mais sensatos fazem quase o mesmo, mas sem esse sentido de imposição, o que muda tudo. Quando chega a parte das questões, perguntam realmente. Em vez de «Porque você não falou disto», perguntam «já agora, fale-me disto». Querem realmente saber, interessam-se, e sabem que o interesse é sempre por algo que nos falta saber – por exemplo, tendo em conta aquilo que li ou ouvi, gostava de ouvir a sua opinião sobre este assunto que me interessa. Quase a mesma coisa mas bastante mais interessante e aberto.

 

Anúncios

Filed under: Crítica

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Arquivos

Comentários Recentes

Lia Ferreira em Por um lado
Jose Mateus em Censura em Serralves
L. em Lisboa Cidade Triste e Al…
Mário Moura em Livro
João Sobral em Livro

Arquivos

Categorias

%d bloggers like this: