The Ressabiator

Ícone

Se não podes pô-los a pensar uma vez, podes pô-los a pensar duas vezes

Documentos de Barbárie

A indignação obscurece um facto: a posição da esquerda tankie tipo PCP não é irracional, nem no sentido tático imediato, nem acima de tudo nos seus princípios.

Não é uma aberração, uma alucinação ou uma maluqueira – é errada, a nível ético, tático, político, etc. Mas é racional.

Para o perceber é preciso regressar a Adorno ou a Benjamin: cada documento da civilização ou do progresso é, também ele, um documento de barbárie.

Georges Didi-Huberman resume bem: «quanto mais os vossos contemporâneos reclamarem para si, unilateralmente, o progresso, a razão, a “tecnologia”, maior será o poder social da desrazão, do pensamento mágico, senão mesmo da barbárie.»

O pensamento mágico não são só as teorias de conspiração mas a crença de que a esquerda estava isenta. Podia-se «safar», reclamando apenas para si o progresso, a razão, a «tecnologia».

A Ucrânia fez desabar tudo isso. Nessa esquerda só sobraram os que, por mecanismos muito racionais e complicados, recusam ver algumas valas comuns.

Filed under: Crítica

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Arquivos

Arquivos

Categorias

%d bloggers like this: